Tempo médio de vida útil de um site é de apenas três meses, diz estudo

0
115

Se no início da Internet o desenvolvimento de um site era uma das tarefas mais complexas da web, hoje já existem ferramentas que colocam uma página no ar em poucos minutos. Entretanto, mantê-la ativa é o principal desafio: o tempo médio de vida útil de um site é de apenas três meses.

O levantamento é da BigWeb, plataforma a BigData Corpm que realiza uma varredura completa e contínua da Internet, pesquisando e correlacionando dados de mais de 90 milhões de sites e 320 bilhões de páginas HTML.

O tempo de vida de um portal é menor do que o de abelhas e formigas operárias, que costumam sobreviver por seis meses e um ano, respectivamente. A pesquisa considera que um site está "morto" quando não possui atividade, como postagem ou atualização, durante um mês inteiro.

Big data

Apesar da elevada mortalidade, novos sites são criados todos os dias para substituir os que desaparecem, e o número total de sites só cresce. Apesar de já ter visitado mais de 15 milhões de sites de todo o Brasil, a cada dia a plataforma descobre cerca de 20 mil novos sites que nunca haviam sido vistos antes.

"A popularização da Internet e a simplificação do processo de criação de sites, com ferramentas que permitem a fácil criação de uma página, fez com que muitas pessoas criassem seus próprios sites, sejam blogs, e-commerces, ou de qualquer outro tipo, mas poucos conseguem gerar conteúdo para atrair visitantes e manter o site operando", comenta Thoran Rodrigues, CEO da BigData Corp.

Alguns números da Web:

Do total de sites criados:

– 52% são blogs;

– 3,5% são sites de notícias;

– 2,7% são e-commerce;

– 2,5% são ONGs;

– 2,10% são sites corporativos;

– 1,95% são sites educacionais;

– 0,37 são sites de governo;

– 34% são outros tipos de sites, além dos descritos acima.

Na média, cada servidor que hospeda sites atende a 3,63 sites, mas diversos servidores hospedam mais de mil sites, e o servidor que atende a maior quantidade hospeda pouco mais de 21 mil sites.

Deixe seu comentário