Aplicativo de bulas de medicamentos desenvolvido para médicos ultrapassa 13 mil usuários

0
175

A Memed, plataforma online de consulta a bulas de medicamentos e prescrição digital, já disponibiliza aos médicos, de forma gratuita, um aplicativo para dispositivos móveis com conteúdo trabalhado e curado para todas as especialidades médicas, atividade realizada por um médico e duas farmacêuticas em tempo integral. Assim como na web, a versão para celular contempla informações a respeito de mais de 20 mil medicamentos disponíveis no mercado brasileiro pela Anvisa, laboratórios e organizados por classificações farmacoterapêuticas, além de uma comunidade ativa colaborando com a solução. O aplicativo conta com funcionalidades de prescrição e já pode ser baixado tanto na Google Play (Android) como Apple Store (iPhone).

memed3
Ricardo Moraes, CEO da Memed

"Há muito tempo nossos usuários vinham pedindo um acesso mobile ao conteúdo disponível em nossa versão web e, facilitar a vida dos médicos, está no DNA da Memed. A partir de agora, nosso conteúdo também está na mão dos médicos para que possam consultar, tirar dúvidas e fazer prescrições de maneira rápida e segura. Queremos que a Memed seja a extensão do conhecimento do médico", explica Ricardo Moraes, CEO e co-fundador da empresa.

Conexão direta com WhatsApp

Buscando agilizar ainda mais a comunicação e abastecer os médicos de informações em tempo real, a Memed criou, recentemente, um novo canal de comunicação via WhatsApp. Por meio dele, são enviados, quinzenalmente, vídeos com resumos rápidos (60 segundos) sobre novos medicamentos, alterações e descontinuações. Todas essas informações podem ser consultadas com mais detalhes por meio da própria plataforma.

Startup

A plataforma gratuita para médicos surgiu em 2012 para viabilizar a consulta a bulas de medicamentos, inicialmente para a especialidade de Dermatologia, ampliando depois para outras especialidades. Para alavancar seu crescimento, a startup foi acelerada pela 21212 em 2013 e, no ano passado, recebeu investimento da Redpoint Ventures.

A Memed integra ainda o Programa Startup Network da Endeavor e é uma das selecionadas pelo Programa Start-Up Brasil – iniciativa do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação com gestão da Softex para apoiar startups com alto potencial.

Moraes explica que a plataforma tem 8 pessoas dedicadas ao seu desenvolvimento e ampliação da base de dados e assinantes, mas que só deve gerar receitas para partir do ano que vem. "A proposta é que as farmácias remunerem a Memed através das prescrições realizadas através da ferramenta, por patrocínio de mercado, por exemplo. Para os médicos permanecerá gratuita", explica Moraes.

Deixe seu comentário