Stefanini investe na oferta de soluções de software e hardware para complementar portfólio de serviços

0
0

Atuando na prestação de serviços há 27 anos, a Stefanini conta agora com mais esta vertical de especialização para a venda de produtos, que além do corpo comercial, é composto por um time de profissionais técnicos para a pré-venda e delivery das novas soluções.

Para fazer a gestão desta área, Antonio Bruno, profissional com grande experiência em empresas como IBM, Pitney Bowes, Certisign e ICAR, está formando alianças estratégicas com os principais players em suas respectivas soluções. Entre elas, todas as soluções Oracle com servidores, storage, aplicações e tecnologia; Adobe com marketing digital e e-Commerce; SAP com ERP e recursos humanos; CA Technologies com segurança e monitoramento; Sage XRT com gestão de tesouraria; Thomson Reuters com aplicações fiscais; Samsung com tablets para mobilidade; Lenovo com servidores e estações de trabalho; Red Hat com infraestrutura e aplicações; EMC² com gestão de armazenamento e virtualização; Cisco com colaboração e infraestrutura; IBM com software e hardware.

"Além do potencial no mercado nacional, temos uma grande oportunidade no mercado internacional, inclusive, algumas parcerias firmadas já estão vigentes nos Estados Unidos, México e outros Países; após o desenho da estratégia de atuação, estamos executando todas as atividades de certificações, treinamentos técnicos e de vendas, levantamento de necessidades de nossos clientes e prospects e delivery das soluções", explica Bruno.

"Nossas soluções preencherão lacunas não só na área tradicional de TI, mas também nas áreas de negócios, aproveitando desta maneira, os contatos executivos que temos com os clientes atuais para esta nova vertical de trabalho; temos uma oportunidade para um aumento significativo na base de clientes Stefanini", diz.
.
"Em função de situações cada vez mais complexas, customizadas e um aumento exponencial na quantidade de clientes e startup de empresas no mercado brasileiro, a Stefanini está bastante otimista em poder atuar proativamente e antecipar-se às necessidades de seus clientes e perspectivas, tornando-os cada vez mais competitivos e inovadores, perante seu mercado de atuação", salienta o executivo.

Deixe seu comentário