Lições da Colômbia para o Brasil

0
3

O advogado e especialista  José Alejandro Bermudez apresentou nesta terça-feira, 11, no Data Protection Forum, sua experiência como superintendente adjunto para implantação das diretrizes de DPA – Proteção de Dados Pessoais na Colômbia. Neste trabalho Bermudez  traçou um caminho para a proteção de dados latino-americanos como promotor das Diretrizes de Responsabilidade da Colômbia publicadas pela Superintendência de Indústria e Comércio (SIC) daquele país.

"Países como o Brasil e o Chile , por exemplo, são grandes propulsores de oportunidades para toda região da América Latina. O que o Brasil está implementando junto ao governo e junto às empresas em termos de regulamentação será, com certeza , um exemplo para os demais países", explica Bermudez.

Segundo ele, estamos entrando já numa segunda fase de desenvolvimento, quando haverá  uma grande troca de  experiências e mudanças de prioridades  entre as companhias. " Hoje o principal desafio ao meu ver está na rapidez com que as estratégias, independentes de desenvolvimento da regulação brasileira, serão implantadas e como será feito para que haja um engajamento entre as partes envolvidas, a fim de que projeto seja bem sucedido", disse o especialista. 

Deixe seu comentário