Aeronaves comerciais com Wi-Fi vão triplicar até 2022

0
6

O número de aeronaves equipadas com redes WiFi vai triplicar até 2022, saltando dos atuais 5.243 para 14.419, segundo relatório elaborado pela Juniper Research.

De acordo com o estudo, o aumento será impulsionado principalmente pelo impacto da tendência BYOD (traga seu próprio dispositivo), apesar das maiores preocupações de segurança de vários governos, principalmente os EUA, que deu origem à chamada "proibição de laptop".

O estudo lista quatro disruptores no entretenimento em vôo e conectividade WiFi. De acordo com o levantamento, a receita do entretenimento em voo deve aumentar em 30%.

A Juniper prevê que o streaming sem fio irá substituir o entretenimento em voo em vários trechos de curta distância, sendo que o IFE está sendo cada vez mais reservado para voos mais longos com operadoras premium.

Com o BYOD e, portanto, a aceitação do consumidor incentivada pelos serviços sem fio, as receitas mensais de entretenimento em vôo deverão aumentar em 30%, em média, por aeronave durante o período de previsão.

Deixe seu comentário