Carrier e AWS colaboram para transformar transporte e monitoramento global de perecíveis

0
14

A Amazon Web Services e a Carrier Global Corporation – fornecedora de soluções de refrigeração para estruturas e cadeia de frio – anunciam acordo para co-desenvolver a nova plataforma digital LynxTM, da Carrier. O conjunto de ferramentas fornecerá aos clientes da companhia maior visibilidade, conectividade aumentada e inteligência em suas operações de cadeia de frio para melhorar os resultados em operações para cargas sensíveis à temperatura, incluindo alimentos, medicamentos e vacinas. A colaboração é uma expansão do anúncio recente, em fevereiro, de que a AWS foi escolhida pela Carrier como sua provedora de serviços em nuvem preferida.

A plataforma Lynx combinará os serviços de IoT (internet das coisas), analytics e machine learning da AWS com as soluções de refrigeração e monitoramento da Carrier, ampliando as atuais ofertas digitais da companhia para gerenciar o transporte controlado por temperatura e o armazenamento de perecíveis. Clientes usando a plataforma Lynx se beneficiarão do rastreamento de ponta a ponta, alertas em tempo real, processos automatizados e análises preditivas para ajudá-los a entregar cargas controladas por temperatura de forma mais eficiente, diminuindo o custo das operações da cadeia de frio, otimizando a utilização de recursos e reduzindo perda e a avaria de produtos.

Aproveitando os serviços de IoT da AWS para coletar, integrar, organizar e analisar dados da grande base de equipamentos de refrigeração e soluções de monitoramento da Carrier, juntamente com fontes como relatórios de tráfego e clima, a plataforma Lynx fornecerá uma visão abrangente da localização da carga, condições de temperatura e eventos externos que possam afetar as operações de cadeia de frio. Essas informações alimentarão um data lake construído no Amazon Simple Storage Service (Amazon S3), onde a Carrier pode usar serviços de machine learning AWS para identificar possíveis problemas que possam impactar a carga, bem como executar análises sofisticadas para desenvolver recomendações para melhorar os resultados.

Deixe seu comentário