Startups se unem em busca de soluções para crise ocasionada pelo coronavírus

0
0

O coronavírus alterou a dinâmica da economia e das relações sociais. Em meio ao pânico mundial, fábricas paradas da China ao Brasil, fronteiras e aeroportos fechados, e recomendações de quarentena, empresas precisam encontrar formas de se adaptar às mudanças do momento e encontrar oportunidades na crise.

Neste sentido, a Comunidade Governança & Nova Economia (Gonew.co) lançou a campanha #StartupsVsCovid19, com apoio da Associação Brasileira de Startups (Abstartups). "O ecossistema de inovação e as startups podem apresentar soluções que ajudem a mitigar direta ou indiretamente o COVID-19 e seus efeitos. Para fomentar a inovação e criação de soluções, compartilhamento de conhecimento é parte fundamental na busca por alternativas para sanar o problema", avalia Anderson Godz, criador da Comunidade GoNew, investidor e conselheiro de administração.

Na iniciativa, empresas, empresários e inovadores estão compartilhando experiências e soluções por meio da hashtag #StartupsVsCovid19, com objetivo de levar o movimento ao maior número de pessoas e fomentar a inovação e informação. Até o momento, contabilizam-se mais de 40 soluções mapeadas.

"Em um momento de crise, precisamos pensar coletivamente e ter empatia em unir iniciativas de forma coordenada. Startups se adaptam rápido e essa é a essência da inovação. Nos adaptamos para ajudar a enfrentar esse desafio", ressalta o presidente da Abstartups, Amure Pinho. Os próximos passos são enriquecimento e ampliação da base de dados de startups, abertura de programa de voluntários e busca por soluções concretas que possam amenizar os impactos do coronavírus. Para participar, basta compartilhar a hashtag #StartupsVsCovid19 nas redes sociais e cadastrar suas soluções no formulário: http://bit.ly/StartupVsCovid19.

Na iniciativa, empresas, empresários e inovadores estão compartilhando experiências e soluções por meio da hashtag #StartupsVsCovid19, com objetivo de levar o movimento ao maior número de pessoas e fomentar a inovação e informação. Até o momento, contabilizam-se mais de 40 soluções mapeadas. "Em um momento de crise, precisamos pensar coletivamente e ter empatia em unir iniciativas de forma coordenada. Startups se adaptam rápido e essa é a essência da inovação. Nos adaptamos para ajudar a enfrentar esse desafio", ressalta o presidente da Abstartups, Amure Pinho.

Os próximos passos são enriquecimento e ampliação da base de dados de startups, abertura de programa de voluntários e busca por soluções concretas que possam amenizar os impactos do coronavírus.

Para participar, basta compartilhar a hashtag #StartupsVsCovid19 nas redes sociais e cadastrar suas soluções no formulário aqui.

Deixe seu comentário