Mesmo com aumento de receita e lucro, TCS decepciona analistas de mercado

0
21

A Tata Consultancy Services Ltd (TCS) decepcionou as estimativas dos analistas, tanto em receitas quanto em lucros no quarto trimestre fiscal, mesmo registrando aumento de 6,2% nas vendas, que subiu para US$ 17,58 bilhões no ano de 2016.

A empresa registrou receita de US$ 4,45 bilhões nos três meses encerrados em 31 de março, um aumento de 1,5% em relação ao trimestre anterior e 5,8% em relação ao mesmo período do ano passado. O lucro líquido totalizou US$ 992 milhões, uma queda de 0,8% em uma base sequencial e um aumento de 5,8% em relação ao mesmo período do ano anterior.

"O FY17 foi um ano de crescimento generalizado em meio à turbulência econômica e política em nossos principais mercados", disse Rajesh Gopinathan, que assumiu o cargo de presidente-executivo da TCS em fevereiro

No cerce do resultado da TCS em atingir melhor desempenho está na incapacidade dela gerar mais negócios nos bancos norte-americanos, seus maiores clientes. O segmento de serviços bancários, financeiros e de seguros (BFSI) da TCS, que responde por mais de 40% de sua receita, cresceu 4,8% em relação ao ano anterior em moeda constante. A América do Norte, que traz 54% de seus negócios, registrou um crescimento de 4,3%.

TCS não dá previsões trimestrais ou anuais, mas alguns analistas de ações são céticos sobre as perspectivas da empresa.

O trimestre de janeiro a março marca o décimo trimestre consecutivo (a empresa registrou um crescimento lento desde julho de 2014), em que a TCS teve desempenho inferior ao esperado ou, na melhor das hipóteses, conseguiu acompanhar as estimativas.

Deixe seu comentário