Microsoft planeja descontinuar linha Nokia X com Android e priorizar Lumia com Windows Phone

0
13

Além de ter anunciado na quinta-feira, 17, que vai demitir 18 mil empregados no próximo ano, o CEO da Microsoft Satya Nadella antecipou que vai abandonar o sistema operacional Android, do Google, na nova linha de smatphones Nokia, lançada neste ano.

A linha X de celulares Nokia, lançada antes de a fabricante finlandesa ser adquirida oficialmente pela Microsoft, disponibilizou uma versão modificada do Android, fornecida com um pacote de ferramentas e serviços da Microsoft, como o serviço de mensagens Outlook, a ferramenta de buscas Bing e o serviço de comunicação via internet Skype, em vez de serviços do Google que vêm com a maioria dos smartphones equipados com o Android.

A decisão foi altamente controversa na época porque todos sabiam que a Nokia estava prestes a se tornar parte da Microsoft, dona da plataforma Windows Phone.

Na mesma carta enviada aos funcionários, na qual anunciou as demissões, Nadella disse que os smartphones Nokia X passarão a ser equipados com o Windows Phone, em vez do Android. Na realidade, a linha Nokia X passará a fazer parte da família de produtos Lumia, operando com o Windows Phone. Essa mudança tem como base o sucesso da empresa no segmento de smartphones de baixo custo, e se alinha ao foco em apps universais do Windows.

Deixe seu comentário