Minicom aprova projetos de redes de R$ 1,1 bilhão pelo REPNBL

0
0

O Ministério das Comunicações aprovou projetos no valor total de R$ 1,1 bilhão para construção de redes, com as isenções previstas no Regime Especial de Tributação do Programa Nacional de Banda Larga para Implantação de Redes de Telecomunicações (REPNBL). O maior desembolso virá da TIM, que aplicará R$ 950 milhões em redes de acesso móvel e sistemas de comunicação por satélite em todos os estados do País.

A Claro teve projetos aprovados no valor R$ 181 milhões para redes de transporte ótico e sistema de comunicação para satélites na Paraíba. E a Oi, investirá mais R$ 4,1 milhões em rede de transporte ótico no Paraná. Outros R$ 1,5 milhão serão aplicados pela TPA Telecomunicações em rede de acesso ótico em Santa Catarina.

Os projetos aprovados foram publicados na edição desta segunda-feira, 19, do Diário Oficial da União. As propostas da TIM são as primeiras aprovadas com os benefícios do REPNBL.

Deixe seu comentário