Kaizen migra infraestrutura para nuvem híbrida da IBM

0
21

Criar um ambiente robusto, com escalabilidade e garantir a segurança de suas informações. Com esses objetivos alinhados à procura constante por inovação, a Kaizen – companhia desenvolvedora de ferramentas eletrônicas de gestão -, acaba de realizar a migração dos sistemas corporativos para o serviço de nuvem da IBM. O projeto, realizado em menos de um mês e finalizado em julho, foi desenvolvido pela Digisystem , companhia brasileira fornecedora de soluções de negócios baseadas em tecnologias avançadas que ajudam as empresas a passarem pela jornada da transformação digital.

De acordo com o Gerente de Operações Sênior da Kaizen, Márcio Barbosa, o ambiente da companhia estava hospedado anteriormente em outro provedor, com latência para acesso no Brasil, no qual todos os serviços concorriam no processamento do banco de dados e aplicações. A migração garantiu à empresa um ambiente de aplicação e bancos de dados com processamento segregados, maior segurança na conectividade de colaboradores, além de um desenvolvimento simplificado de instâncias dedicadas aos clientes.

"Um dos maiores benefícios da nova hospedagem foi a ausência de conflitos entre o nosso ambiente legado e o da nuvem IBM, uma vez que, ao fim da migração, o novo ambiente contava com diversas melhorias como a adição de sistemas de suporte remoto e conexão de redes VNC (Virtual Network Computing), VPN (Rede Privada Virtual), Firewall, totalmente sinérgicas à arquitetura anterior", ressalta Barbosa.

O Diretor Executivo da área de Cloud & Data da Digisystem, Wagner Hiendlmayer, explica que para evitar os conflitos, foram instaladas instâncias virtuais no ambiente IBM Cloud, modificando a arquitetura base do sistema, garantindo à Kaizen a escalabilidade de uma estrutura em nuvem dinâmica, mas com as instâncias devidamente preparadas para que cada uma possa prover o seu serviço sem afetar o desempenho da outra. "Como parte da migração para o ambiente Cloud IBM, foi necessária uma movimentação dos sistemas de nomes de domínios (DNS), responsáveis por localizar e traduzir para números IP os endereços dos sites digitados nos navegadores. Essa mudança foi possibilitada com a implementação de uma camada adicional de segurança, pois os serviços agora são inspecionados pela solução Cloudflare", esclarece Hiendlmayer.

Segurança e autonomia

Com o aumento significativo de demanda dos últimos meses, a Kaizen precisava contar com um novo ambiente seguro e eficiente. "A segurança na conectividade ao ambiente era um pré-requisito. Os clientes solicitavam frequentemente conexões VPN para os locais onde suas informações estavam armazenadas e, em sua antiga estrutura, esse serviço não estava disponível", relata Hiendlmayer.

A preferência pela plataforma Cloud IBM está relacionada a sua grande variedade de recursos que podem ser utilizados em qualquer lugar do mundo, com um simples acesso à internet, de forma intuitiva e simplificada. Além disso, o custo foi um grande diferencial, uma vez que, com pagamento em reais, elimina-se a necessidade de recolhimento dos impostos de importação de serviços e variação cambial no valor mensal.

Já a escolha pela Digisystem para a condução do projeto é decorrente da parceria da empresa com a IBM , que transmitiu maior confiança para que a adoção da IBM Cloud funcionasse de forma assertiva. "Todo o processo de migração aconteceu de modo simples e sem atritos. Desde as reuniões para coleta dos dados até a implementação do sistema, tudo foi realizado de maneira personalizada para atender as necessidades da Kaizen", conta Barbosa.

Deixe seu comentário