Investir em Employee Experience é tão importante quanto investir em Customer Experience

0

Li recentemente um artigo publicado pela Microsoft sobre o impacto da pandemia no desempenho das empresas, e 82% dos líderes afirmaram que as pessoas estavam tão produtivas atualmente quanto antes da pandemia. Isso sugere que, mesmo com as adversidades encontradas no ambiente doméstico, os funcionários preferem cumprir 1/3 de sua jornada de trabalho de casa, ao retornar para o modelo antigo.

Outra pesquisa recente do Guia Salarial da empresa de recrutamento Robert Half, aponta que 63% da população vai preferir trabalhar de forma híbrida em 2022. Além disso, a maior parte das pessoas acreditam que o modelo híbrido não seja mais um "benefício", mas sim, a nova realidade.

Com isso, alguns profissionais foram afetados, como por exemplo, os que trabalham com Recursos Humanos. Em meio a uma crise sanitária mundial na proporção da que estamos enfrentando, foi necessário criar uma proximidade com os funcionários para poder conhecê-los, analisar como esse momento de crise pode afetá-los e fazer com que o time se mantenha integrado e bem informado.

As empresas acreditam que manter o engajamento do time de colaboradores é um desafio. E, justamente, pensando em tornar a comunicação interna mais simples, muitas empresas decidiram buscar plataformas que facilitassem a comunicação entre os diversos públicos, sejam eles funcionários, clientes ou parceiros.

Recentemente, participei de um evento da Workplace from Facebook, e pude notar que as empresas estão valorizando a experiência do usuário, apostando em pessoas e reestruturando processos internos. Neste sentido, houve um aumento na busca por ferramentas que conseguissem universalizar o acesso de todos os colaboradores às informações da empresa.

O maior objetivo de plataformas como esta é conectar facilmente todos os funcionários da empresa, dar voz às suas ideias, receber um feedback mais rápido, garantir a possibilidade de interação a todos por meio de uma rede dinâmica, e ter a certeza de que as mensagens importantes irão chegar nas pessoas certas, na hora certa e de forma adequada.

Também posso destacar outras ferramentas, como por exemplo, o Microsoft Teams, que se integra aos pacotes do Office e possibilita um compartilhamento mais rápido de arquivos.

O trabalho à distância fez com que as pessoas abrissem mais os olhos para assuntos ligados à segurança da informação, e de certa forma, conseguiu fazer também com que as pessoas percebessem a importância de manter uma comunicação interna alinhada. Além disso, o momento de reclusão tornou possível a criação de um método de trabalho mais tecnológico.

Noto que, com o uso das novas plataformas de comunicação, os colaboradores se sentem mais à vontade para se expressar, realizar integrações entre os times, e criar um relacionamento ainda melhor com os líderes.

Max Camargo, CEO da Solo Network.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui