O escritório não desaparecerá, se adaptará para um esquema de trabalho híbrido

0
55

Depois da mudança repentina para o trabalho híbrido, 82% dos tomadores de decisão das empresas esperam retornar ao escritório em uma média de 12 a 18 meses.

A Xerox acredita que a transformação digital continuará sendo vital à medida que as empresas buscam evoluir para uma força de trabalho híbrida que atenda às necessidades tanto dos funcionários quanto das empresas.

Uma pesquisa demonstrou que os benefícios da digitalização vão além da melhoria da eficiência do local de trabalho. Não substituir sistemas lentos, sobrecarregados e altamente manuais pode afetar significativamente os resultados. Somente em 2018, o Fórum Econômico Mundial (WEF) constatou que aqueles que estavam atrasados em sua estratégia digital perderam 15% da receita anual, e espera-se que este número continue aumentando para 46% da receita em 2023.

Entretanto, trabalhar em casa tem sido um ajuste difícil. De acordo com uma pesquisa global recente, encomendada pela Xerox, com 600 tomadores de decisão de TI e executivos, as maiores fraquezas experimentadas durante o período de home office são o suporte remoto de TI, soluções de fluxo de trabalho inadequadas, falta de soluções baseadas em nuvem e falta de ferramentas de comunicação e colaboração.

Portanto, é arriscado dizer que o escritório se foi para sempre. No escritório, resolver problemas juntos ao redor de uma mesa, viver juntos informalmente na sala de descanso e até mesmo as conversas pessoais difíceis no ambiente ensinam a resolver conflitos. A conexão pessoal é um ponto forte do ambiente do escritório; e não existe um substituto virtual para ela. Dos líderes de TI que responderam à pesquisa, 95% concordaram, indicando que a comunicação presencial e face a face é fundamental tanto para o desenvolvimento pessoal quanto para entrevistar e avaliar funcionários potenciais.

A pesquisa também revelou que uma vez que os tomadores de decisão sejam informados de que podem retornar ao escritório, 82% planejam ter os funcionários de volta ao local de trabalho dentro de 12-18 meses.

Um ambiente profissional híbrido pode funcionar sem problemas, especialmente quando você tem a tecnologia certa, sobretudo com soluções baseadas em nuvem para TI remota, colaboração e comunicação. A nuvem é a escolha lógica para permitir a fluidez do "trabalho de qualquer lugar, conectando equipes e melhorando a velocidade e a capacidade de trabalhar em conjunto. Quando a nuvem é conectada com a digitalização e automação de processos, os funcionários têm mais liberdade para se concentrarem nas tarefas mais estratégicas, criativas e, em última análise, de alto impacto – independentemente de onde eles estejam.

Em resumo, é cada vez mais claro que o escritório se manterá e continuará sua evolução com um modelo híbrido de trabalho que proporciona mais flexibilidade para trabalhar tanto no escritório quanto em outros lugares.

Deena LaMarque Piquion, vice president e general manager da Xerox.

DIGITAL WORK PLACE FORUM

A TI INSIDE promove no dia 15 de dezembro próximo a 2ª edição do Digital Work Place Forum, que vai discutir como as empresas devem implantar o novo ambiente e o futuro do trabalho. Mais informações e inscrições no site www.digitalworkplaceforum.com.br

Deixe seu comentário