TI INSIDE Online -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Aloo Telecom lança solução Fast Connect em parceria com Oracle

Postado em: 01/11/2019, às 18:23 por Redação

A Aloo Telecom – uma das maiores companhias de telecomunicações da região Nordeste -, apresentou durante a Futurecom 2019 a nova solução Aloo Cloud Fast Connect. Desenvolvido em parceria com a Oracle, ela acaba de entrar em operação com objetivo de levar união dos serviços em nuvem para todo o país.

"O novo Aloo Cloud Fast Connect, aliado ao uso de tecnologia de ponta e ao Backbone de Fibra Optica de alta transmissão de dados, apresenta um ganho de conectividade e segurança para o consumidor final. Com a nova ferramenta e a sólida expertise da Aloo no setor é possível interligar, por exemplo, redes bancárias, sistemas aeroportuários, além de companhias de diferentes portes como: FCA – Fiat Chrysler Automobiles, Unimed Maceió, Tribunal de Justiça do Estado de Alagoas, UNIT – Grupo Universidade Tiradentes, Universidade Federal de Alagoas, entre outras, que ajudam a alicerçar não apenas o desenvolvimento do Nordeste, como também do Brasil", afirma Felipe Cansanção, diretor executivo da Aloo Telecom.

A nova ferramenta fornece uma maneira simplificada de criar uma conexão privada e dedicada entre a empresa e a infraestrutura de nuvem. O Aloo Cloud Fast Connect oferece opções de maior largura de banda e uma experiência de rede mais confiável e consistente em comparação com as conexões baseadas na Internet. Com o uso da conectividade do Oracle Cloud Infrastructure FastConnect, aliada à tecnologia com Aloo Edge Route, a solução permite alto desempenho (com consistência e previsibilidade de sua rede), dados aprimorados, segurança operacional, opções de rede em nuvem flexíveis e escaláveis, além de baixa latência (que garante custos baixos).

O Aloo Cloud Fast Connect permite ainda uma conexão de rede física no PoP da Oracle. Esse PoP reside em instalações operadas por data centers em locais onde a ALOO está habilitada. As conexões de fibra física em cada local entre a ALOO e a Oracle são estabelecidas em roteadores Oracle Cloud Infrastructure FastConnect redundantes (no mínimo dois). "Apostamos na entrega da solução completa para o cliente. Esse produto une o melhor dos dois mundos: alta qualidade de conexão da Aloo com a expertise da Oracle em nuvem," afirma Cansanção.

Expansão nacional da rede de fibra óptica

A Aloo Telecom segue em expansão nacional de seu backbone de fibra óptica. Com ampla cobertura na região Nordeste e 35 mil km de extensão, ele conecta cidades como Fortaleza, Mossoró, Natal, João Pessoa, Recife, Maceió, Aracaju, Alagoinhas e Camaçari, em seu perímetro atual, que passa em Salvador, Rio de Janeiro, São Paulo e Vitória.

Com tecnologia de transmissão DWDM, a rede tem capacidade de operação de 2,4 TBPS, mas está pronta para expandir a até 27 Tbps nos próximos 5 anos. "Temos como próximo passo a expansão do projeto pela região Sudeste. Com mais de 35 mil km de fibra óptica distribuídos por 14 estados brasileiros e três cidades dos EUA, atualmente detemos uma rede de backbone de longa distância, com 2.4 TBPS de alta capacidade", afirma Felipe Cansanção.

A Aloo Telecom nasceu em Maceió e hoje possui operação em quase todos estados da região Nordeste, tendo ponto de presença na Bahia, Sergipe, Alagoas, Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte e Ceará. Para Cansanção, a estratégia da companhia acompanha a projeção de aumento do consumo de Internet no país e da própria região Nordeste, que deverá quintuplicar nos próximos anos. "Hoje no Brasil se consome em média 15 Tbps. Em muito breve, esse uso deverá chegar a 60 Tbps", conta o empresário, que destaca também a melhoria de qualidade do serviço de telefonia e Internet que será proporcionada com a infraestrutura.

Em processo de expansão nacional, estima levar seu portfólio de serviços para outras regiões do país em no máximo dois anos. "A previsão é implantar mais 6 mil km de cabos em São Paulo, Brasília, Mato Grosso, Rondônia, Minas Gerais e Espírito Santo", conclui o executivo.

RSS
Facebook
Twitter
LinkedIn

Tags: , , , , , , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)

Top
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial