Rodada virtual vai conectar exportadores de bebidas e alimentos a compradores internacionais

0
0

O Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) juntamente com o Sebrae, a Confederação Nacional da Indústria (CNI) e a Apex-Brasil vão realizar, entre os dias 22 e 26 de junho, uma rodada internacional de negócios do setor de alimentos e bebidas, envolvendo micro, pequenas e médias empresas. Fornecedores brasileiros poderão se conectar com compradores de toda a América Latina, além dos Estados Unidos, Índia, Emirados Árabes e Canadá. Essa é a 1ª vez que o evento acontecerá no modelo virtual em função da pandemia do coronavírus, que afeta o Brasil e diversas outras nações do mundo.

As instituições brasileiras que atuam na organização do evento fazem parte do Plano Nacional da Cultura Exportadora (PNCE). O Sebrae, a CNI e a Apex-Brasil são responsáveis por conduzir as ações voltadas às empresas do setor de alimentos e bebidas. Independentemente do porte, todos os segmentos terão uma grande oportunidade de expandir suas atividades e buscar novos negócios fora do país. "Para a Apex-Brasil, as rodadas virtuais fazem parte de um conjunto de ações de suporte às empresas brasileiras para incrementar a geração de negócios internacionais e tornar a nossa indústria mais competitiva, com mais efetividade e menores riscos", avalia a Gerente de Competitividade da Apex-Brasil, Deborah Rossoni.

"A internacionalização aumenta a competitividade das empresas, com a ampliação de mercados e diversificação da demanda o que se transforma em mais uma alternativa para se conseguir ultrapassar este momento desafiador que vivemos", afirma Carlos Abijaodi, diretor de Desenvolvimento Industrial da CNI. A CNI coordena nacionalmente a Rede Brasileira de Centros Internacionais de Negócios (Rede CIN), presente nas 27 unidades da federação com foco no atendimento às empresas para assegurar uma atuação competitiva no mercado internacional.

A rodada virtual internacional, chamada de Business Connection Brazil: food & beverage, é um dos desdobramentos da Connectamericas.com. A plataforma de negócios gratuita criada pelo BID para apoiar mais de 300 mil empresários cadastrados na realização de mais e melhores negociações internacionais. O evento será o primeiro que acontece virtualmente no Brasil. "Será uma semana inteira de atividades online e vamos dar todo o suporte para que as empresas tenham agendas de negócios bem-sucedidas", comenta o diretor técnico do Sebrae, Bruno Quick.

A ConnectAmericas realiza anualmente várias rodadas de forma presencial, mas em função da pandemia, estão fazendo tudo de forma virtual em 2020. A plataforma foi criada pelo BID para fomentar o comércio exterior e investimentos internacionais nos países da América Latina e Caribe. As empresas que queiram participar do evento este ano podem se inscrever entre os dias 1 e 19 de junho, gratuitamente, na plataforma e no site bcbrazil.com.

Em uma segunda etapa haverá um processo de seleção dessas empresas, de acordo com uma avaliação da sua capacidade de exportação e o grau de correspondência com as demandas dos compradores.

As micro, pequenas e médias empresas têm um papel muito importante nas exportações brasileiras de forma diversificada. Juntas representam 70% do número de empresas exportadoras segundo estudo do Sebrae de 2019, principalmente do setor da indústria. De acordo com o Sebrae, mais de 40% das empresas exportadoras brasileiras são micro e pequenas. Elas foram responsáveis por vendas externas no montante de US$1,2 bilhões em 2018.

Deixe seu comentário