Austrália processa Facebook por divulgação de dados pessoais

0
0

A Austrália vai processar o Facebook por violar a privacidade de mais de 300.000 australianos. O Escritório do Comissário Australiano de Informações (OAIC) apresenta nesta segunda-feira, 9, uma ação no Tribunal Federal por "interferências graves e repetidas violando a lei de privacidade australiana".

Segundo a comissária australiana de informações, Angelene Falk, a rede social "interferiu séria e / ou repetidamente na privacidade de aproximadamente 311.127 usuários australianos do Facebook, entre 12 de março de 2014 e 1º de maio de 2015, compartilhando suas informações pessoais com o site This is Seu aplicativo Digital Life, que supostamente foi usado pelo Cambridge Analytica para criação de perfis políticos.

Em causa o facto de os dados do Facebook terem sido partilhados com a aplicação "This is Your Digital Life" pela empresa Cambridge Analytica com vista a criar perfis políticos, quando nunca foi essa a intenção original da recolha de dados.

Ela acrescentou que os usuários afetados não conseguiram controlar a divulgação de seus dados pessoais devido ao "design da plataforma do Facebook".

A autoridade disse que o Tribunal Federal do país pode impor uma penalidade civil de até 1,7 milhão de AUD (US$ 1,1 milhão) por cada violação de dados.

Deixe seu comentário