Icahn e Southeastern Asset Management podem retirar oferta para aquisição da Dell

0
6

Depois de todo o alvoroço causado pelo megainvestidor Carl Icahn e o fundo de investimentos Southeastern Asset Management contra a oferta de recompra de ações e fechamento de capital da Dell, feita pelo CEO Michael Dell e o fundo de private equity Silver Lake Partners, a proposta feita por ambos poderá ser retirada. Segundo o New York Post, Icahn e o Southeastern estão com dificuldades para conseguir o montante necessário — cerca de US$ 5,2 bilhões — e melhorar a oferta de US$ 24,4 bilhões feita por Dell e o Silver Lake.

Ainda segundo o tabloide, Icahn declarou aos investidores que uma parte do atraso na arrecadação da quantia ocorreu por conta de uma lacuna de US$ 3,9 bilhões de financiamento que o comitê especial da Dell está reivindicando no processo se fechamento de capital. O problema é que as taxas de juros subiram nas últimas semanas, e a perspectiva de arrecadar esse dinheiro está cada vez mais distante.

Além disso, potenciais credores que avaliaram o estado deteriorante dos negócios da Dell recuaram na possibilidade de oferecer uma proposta à empresa devido a tantos riscos. Inclusive, foi por esta razão que o Blackstone Group retirou sua oferta de compra da Dell.

A atuação de Icahn contra a oferta de Dell e do Silver Lake teve também o objetivo de trocar alguns diretores. Além disso, ele forneceu uma pequena lista de CEOs que gostaria que assumissem a companhia. A votação dos acionistas da Dell para a proposta de retorno a companhia privada está agendada para 18 de julho.

Deixe seu comentário